Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de 2021

Peru de coentrada

Ou uma versão minha deste petisco tão português.  E então como estão vocês? Por aqui entramos de novo no ritmo de inicio do ano letivo onde todas as rotinas se ajustam e adequam e, cada vez mais, a minha cabeça tem brancas e se não escrever tudo num papel dou por mim a stressar com o “vai por e buscar” e o “leva aqui e traz dacolá”. Nada de que já não me tenha queixado, mas pronto, uma queixa nunca é demais. E então este peruzinho maravilhoso e fácil e rápido de fazer como se quer e deseja, sai ou não sai? Passo já a ele explicando como o fiz: Para 4 pessoas: - 3 bifes de peru finos e grandões, deve andar à volta dos 600 gr. - 1 molho de coentros - 2 dentes de alho - 1 pickle grande - azeite - sal -vinagre (do bom) - pimenta preta Comecei por fritar os bifes num fio de azeite e temperados com sal e pimenta preta. Não demoram quase nada pois peru seco é pior que comer bocados de areia. Vá… uns 2 minutos de cada lado. Tirei da frigideira, deixei repousar um pouco e depois cortei às tiras

Asinhas no forno por engano

Olá a todos, espero que se encontrem bem e em segurança. Agora que o Verão chegou em modo está calor meia hora por dia, temos mesmo de nos agarrar às coisas boas da vida que são, ou melhor, que é, ter saúde! Ora pois já sabem que é isto que vos venho dizendo. Enfim, enfim, esta cabeça já foi boa, continua a ser, mas de vez em quando prega-me partidas. Bem que eu achei que aquelas pernas e coxas de frango estavam muito baratas e sabem porque estavam baratas? Porque não eram coxas nem pernas de frango, mas sim asas. Não tenho nada contra e gosto muito de as comer. Normalmente faço-as com molho de soja e deixo-as marinar durante pelo menos 24 horas ( podem ver aqui a receita ). No entanto, estavam congeladas e de manhã quando sai de casa tirei-as do congelador para irem fazendo o seu processo de descongelamento lentamente.  Quando ao final do dia abro o vácuo dou-me conta que as coxas estavam com um formato diferente e caramba… não tinha mais nada para aquela refeição.  Isto seria um prob

Aproveitamentos indianos

  Não se preocupem que não me aproveitei de nenhuma pessoa da Índia que isso é mau e vai contra os meus princípios. Aproveitei-me sim de umas sobras de molho de comida indiana de que tanto gosto. Já não é novidade que eu sou uma pessoa que não gosta de deitar comida fora. Por todos os motivos do mundo, mas também e fundamentalmente porque me dá um jeitão dos diabos. Faz uns dias que pedi comida indiana e aconteceu que depois de comida a proteína sobrou imenso molho. Também vos acontece? Se sim esta sugestão é para vocês. Guardei o molho Korma e o Tika Masala em frascos fechados no frigorífico. Estes conservam-se bem entre 3 a 5 dias. Convém provar sempre antes de começar a cozinhar que uma coisa é aproveitar outra é ficar doente. Destas sobras surgiu uma refeição ultrarrápida mas muito saborosa de Feijocas Korma e Carne moída Tikka Masala. Para as feijocas: Coloquei o molho Korma numa panela juntamente com as feijocas já cozidas (400gr). É esperar que fique quentinho e polvilhar com co

Tagliatelle com shiitake, limão e parmesão

A fazer um ano que entramos em modo confinamento geral e com o pensamento de que 15 dias fechados em casa a coisa lá se ia resolver, venho aqui humildemente assumir a minha falta de noção. Resta-me a alegria de saber que não fui só que que me iludi, portanto, meus queridos, vamos nos aguentar mais uns tempos que é o melhor que fazemos. Tendo tudo e, saúde acima de tudo, não me posso queixar de nada sendo que o vou fazer já no imediato. Tenho saudades de muitas coisas, de muitas mesmo. Ficaria aqui uma eternidade a enumerá-las, mas, para vos poupar a paciência, escolhi a que mais me toca e a que sinto mais falta – VIAJAR! Andar pelo mundo, bater perna, ver coisas novas, sítios diferentes, novas comidas, novas pessoas, estar só por estar sem hora de recolher. E se pudesse escolher ia para Roma, sem dúvida alguma, apetece-me Roma. Porquê? Porque se vive na rua, porque a comida é boa, porque vemos sempre coisas diferentes, os monumentos habituais são grandiosos e é uma cidade que carrega e

Vem aí o dia do Pai!

E é já na próxima semana. Em Portugal e nos países cristãos, esta data celebra-se no dia 19 de março, dia de São José , santo popular da igreja católica, pai adotivo de Jesus Cristo. A celebração do dia do Pai é comemorada em diferentes datas pelo mundo e diz a Wikipédia que tem origem na Babilónia (hoje cidade de Hila, capital da província de Babil, no Iraque), onde, há mais de 4 mil anos, um jovem chamado Elmesu teria moldado em argila o primeiro cartão. Desejava sorte, saúde e longa vida ao seu pai. A figura do Pai tem também tido diversas funções e nuances ao longo dos tempos. Felizmente, na atualidade, os pais estão presentes nas vidas dos filhos nas mais diversas facetas, sendo uma peça fundamental nas suas vidas. Sem mais conversa: Pai é Pai e sei muito bem que todos concordam que o nosso é o melhor de todos. Até ponho dinheiro nisso😃. E como em todas as datas (sou uma pessoa de comemorações), gosto de marcar o momento com a minha presença e com um presente. Acredit